Vagas Remanescentes - 2 Semestre 2021
    Rematrculas Segundo Semestre, de 8 a 31 de Julho
    Ps-Graduao Lato Sensu Unifipa 2021
    Julho Amarelo
    Direito Unifipa
    A Unifipa na palma das mos. Baixe agora o aplicativo EduConnect
    Unifipa entre as melhores. Nota 4 no MEC.
    Guia de retomada segura das atividades. Acesse e baixe o contedo.
    Manual do Mdico Residente - 2021/2022

Últimas Notícias

22
jul

Online, academia da Unifipa ultrapassa marca de 100 aluno

Para reprimir o avanço da pandemia de COVID-19, aulas de condicionamento físico na academia foram adaptadas ao mundo virtual.                  Orientados pela profissional de Educação Física Isabela Regina de Lima, a academia online da Unifipa já supera a marca de 100 praticantes. Os exercícios físicos são realizados em casa, sem ajuda de aparelhos ou equipamentos profissionais, e se dividem em duas atividades: alongamento com pilates solo e treinamento funcional.             Seguindo as recomendações para frear o avanço da COVID-19, a academia, que antes era presencial, adaptou-se ao ambiente virtual a fim de continuar garantindo qualidade de vida aos estudantes e colaboradores.               De acordo com o último balanço divulgado, que inclui dados de janeiro a junho de 2021, 67 alunos da Unifipa e 40 funcionários totalizam as turmas, seguindo em ritmo acelerado rumo a melhor sensação de conforto com o corpo, satisfação e, acima de tudo, saúde. "Nossa intenção é continuar oferecendo o serviço com a melhor qualidade possível diante dessa realidade, sem que as atividades fossem interrompidas", reforça a educadora física.                Com algumas vagas ainda abertas é possível entrar em contato para outras informações através do telefone (17) 99155-1930 ou academia@unifipa.com.br.
19
jul

Falece Heveraldo Galvão, docente por 5 anos na Unifipa

Heveraldo lecionou, de 2007 a 2011, no curso de Direito.  No dia 16 de julho, sexta-feira, por complicações de pancreatite, faleceu o ex-docente do Centro Universitário Padre Albino/UNIFIPA, Heveraldo Galvão, com 47 anos. Atualmente, o educador trabalhava como consultor jurídico no Sebrae.  Heveraldo era graduado em Direito pela Faculdade de Direito de São Carlos (turma de 1996), com mestrado em Direitos Coletivos, Cidadania e Função Social do Direito pela UNAERP de Ribeirão Preto (2008), além de especialista com MBA em Gestão Estratégica de Negócios pela USP/ESALQ.  No Centro Universitário Padre Albino/UNIFIPA foi professor do curso de Direito de 2007 a 2011. Em nota, através de social, o curso de Direito e a Comissão de Egressos prestaram sua homenagem ao ex-docente: “Seus ensinamentos e seu riso constante nos acompanharão por toda vida. Sua partida foi precoce e inesperada. Com grande tristeza vivemos o dia de hoje, mas com a certeza de que seu legado viverá em cada um de nós, seus alunos”. 
19
jul

C.A.E.R realiza XXX Congresso Médico Acadêmico da Fameca

Evento contou com palestras, apresentação de trabalhos, mesa redonda e minicursos.                 Nos dias 18 e 19 de junho último, ocorreu o XXX Congresso Médico Acadêmico da Medicina/Fameca/Unifipa. O evento, tradicionalmente realizado pelo Centro Acadêmico Emílio Ribas (C.A.E.R.), contou com diversas atrações envolvendo conhecimento médico e atualizações científicas.               O primeiro dia contou com a participação de palestrantes renomados da medicina brasileira. A Profa. Dra. Kátia Ramos Moreira Leite, docente da FMUSP e presidente da Sociedade Brasileira de Patologia, abriu a tarde com o tema “O impacto da pandemia no diagnóstico do câncer”. Em seguida, o Prof. Dr. Jorge Luís Valiatti, docente e coordenador do curso de Medicina Fameca/Unifipa, além de representante do comitê de insuficiência respiratória da AMIB, trabalhou o tema “COVID-19 e a terapia intensiva no Brasil”. Para fechar o ciclo de palestras, o Prof. Dr. Ricardo Santaella Rosa, médico infectologista e docente da Fameca, abordou “Programa Nacional de Imunização, SUS e vacinação contra a COVID-19”, de forma a elucidar dúvidas e desconstruir paradigmas sobre a temática.                No mesmo dia, no período da noite, foram apresentados os trabalhos do tradicional Prêmio “Jesus Carlos Machado”, que em sua XXIV edição, estimula a participação dos acadêmicos na produção científica.                 Na manhã de sábado (19) os congressistas puderam aperfeiçoar conhecimentos em suas áreas de interesse. Por meio de pequenas salas de conferência, os inscritos acompanharam minicursos de diversas áreas da medicina, dentre 12 possibilidades de escolha.                As palestras de encerramento do evento ocorreram no período da tarde, sendo abordado o tema “Medicina e Arte”. A primeira palestrante foi a Profa. Dra. Ana Paula Girol, docente e pró-reitora de pesquisa e pós-graduação da Unifipa, que apresentou a intersecção entre a medicina e a arte em diversas obras. Por fim, o Prof. Dr. Walter Melo e o Prof. Mdo. Tiago Pilotto discutiram em mesa redonda sobre “A arte em Nise da Silveira”, em homenagem à médica psiquiatra pioneira na psicoterapia e que dá nome à atual diretoria do C.A.E.R.                Como resultado, o evento obteve mais de 500 inscrições, totalizando mais de 1.000 visualizações no YouTube em ambos os dias. 
14
jul

Jogadores do Catanduva FC realizam avaliação diagnóstica na UNIFIPA

Atividade foi realizada no setor de Educação Física e contou com participação do coordenador do curso, Prof. Me. Igor Braz.                 Na manhã desta quinta-feira (14), os 26 jogadores do Catanduva FC realizaram avaliação diagnóstica no Laboratório de Fisiologia do Exercício do curso de Educação Física do Centro Universitário Padre Albino (Unifipa). As atividades foram acompanhadas pela comissão técnica  e preparador físico do clube, Thiago Rezende, e pelo coordenador do curso, Prof. Me. Igor Braz.                “Foram avaliadas a composição corporal e a potência muscular de membros inferiores. O primeiro foi realizado com o equipamento InBody 120,  através do método Impedância Bioelétrica, que mede o percentual de gordura, massa muscular, ossos, litros de água no corpo e taxa metabólica vazão. Já o segundo teste foi realizado com o aparelho Plataforma de Força, que mede a altura do salto, potência muscular, aceleração, velocidade e taxa de desenvolvimento de força por meio de um salto vertical. Esses resultados vão embasar o treinamento que será dado aos jogadores, inclusive o individualizado”, ressaltou o coordenador. Todos os dados colhidos são computadorizados e entregues à equipe.               Segundo o preparador físico, “testes como os de hoje, entre outros dados, nos proporcionam informações mais precisas sobre o estado corporal e nutricional do atleta, contribuindo para um bom rendimento em campo. Dentro de 20 a 30 dias, retornaremos aos exames, de modo que possamos comparar a evolução de cada atleta individualmente, possibilitando identificar as potencialidades de cada um”.               Os treinos de pré-temporada do Catanduva FC foram iniciados em fevereiro e continuam até o dia 22 de agosto, quando o time estreia no Campeonato Paulista da Segunda Divisão, dentro de casa, contra o Fernandópolis FC, às 15h. 
CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ALBINO - UNIFIPA