Últimas Notícias

13
set

Grupo de extensão ministra palestra sobre Direitos do Consumidor para alunos do Ensino Fundamental

           No dia 11 de setembro, os alunos do curso de Direito da UNIFIPA, membros do grupo de extensão “Observatório Social das Relações de Consumo”, coordenado pela Profa. Me. Beatriz Trigo, ministraram palestra para os alunos do 3º ano do Ensino Médio do COC sobre Direitos Básicos do Consumidor, prazos de garantia, garantia contratual, meia-entrada, venda casada, compras pela internet e direito de arrependimento.               O projeto Observatório Social das relações de Consumo está em atividade desde 2012 em parceria com o Procon de Catanduva e trabalha com o objetivo de conscientizar a população, transmitindo conhecimento nas áreas de cidadania e de direitos do consumidor. O grupo tem uma página no Facebook “Observatório do consumidor” e perfil no instagram/observatorio_do_consumidor, onde o grupo realiza postagem semanalmente com temas relacionados ao Direito do Consumidor.  
11
set

Ligas promovem o XIV Curso de ECG

            De 23 a 26 de setembro, a Liga de Dor e Anestesiologia (LDOR) e Liga do Coração (LCOR), ambas do curso de Medicina/FAMECA da UNIFIPA, realizam o XIV Curso de ECG no Anfiteatro Padre Albino, a partir das 19 horas. O curso é voltado para os acadêmicos de Medicina, Residentes e área da saúde.             O palestrante será o egresso do curso de Medicina/FAMECA/UNIFIPA, Turma XLIV, Gabriel Kaça Guimarães. As inscrições são gratuitas.  Programação Dia 23/9 – Noções Básicas de eletrocardiograma (ECG) Dia 24/9 – Sobrecargas de Câmara e Bloqueio de Ramo Dia 25/9 – Bloqueios Atrioventriculares e taquicardias/taquiarritmias Dia 26/9 – “Supra”  
11
set

Mais de 600 pessoas participaram das atividades da V Semana de Educação Física

              De 02 a 05 de setembro, no Complexo Esportivo da UNIFIPA, foi realizada a V Semana da Educação Física, promovida pelo curso de Educação Física Bacharelado. Mais de 600 pessoas, entre alunos do curso e comunidade acadêmica, participaram das atividades desenvolvidas.  As palestras tiveram a parceria do Conselho Regional de Educação Física da 4ª Região do Estado de São Paulo (CREF4/SP).             De acordo com o Prof. Me. Américo Lourenço, a Semana foi um  sucesso e uma forma importante de aquisição de conhecimento. “Através dessas vivências, discentes, docentes e egressos dos cursos de Educação Física tiveram oportunidade única de adquirir ou reciclar conhecimentos de forma gratuita”, disse.             As palestras ministradas foram: dia 2, Prof. Phd. Ricardo Augusto Barbieri, “Mecanismos de fadiga e dinâmica de recuperação no exercício físico”; dia 3, Profa. Esp. Cida Conti, “As cinco qualidades dos mestres da ginástica”;  dia 4, Prof. Ddo. Henrique Croisfelts, “Como identificar oportunidades e quais são as principais dificuldades para montar uma startup a partir de um projeto de pesquisa”; dia 5, Profa. Esp. Jéssica Bataia, “Princípios de aplicação do treinamento resistido em clientes iniciantes, intermediários e avançados”, e Prof. Esp. Nilo Telles Prata, “O profissional de Educação Física, a recreação e o mercado de trabalho”.    
10
set

II Jornada de Clínica Médica discute a dor torácica

              No dia 05 de setembro, a Liga de Clínica Médica do curso de Medicina/FAMECA da UNIFIPA realizou a II Jornada de Clínica Médica no Anfiteatro Padre Albino. O evento, com palestras ministradas pelo coordenador do Centro de Dor Torácica do Hospital de Base de Rio Preto, Dr. Fernando Bruetto, e pelo Dr. Fernando Stuchi Devito, cardiologista intervencionista e coordenador da área de Clínica Médica do curso de Medicina, reuniu mais de 90 pessoas.             Segundo o presidente da Liga de Clínica Médica, Guilherme Martins Tahan, o tema foi dor torácica, com enfoque na tomada de protocolos da área da cardiologia para o manejo da dor emergencial de pacientes com diferentes síndromes coronarianas. “O objetivo foi apresentar, por meio de protocolos na área da cardiologia, as diferentes maneiras que um paciente com dor no tórax pode ser abordado no serviço médico avançado e o diagnóstico e manejo de sua síndrome coronariana. Apesar dos avanços e diversos protocolos instituídos, alguns fatores ainda comprometem o atendimento do paciente com Síndrome Coronariana Aguda na região e estes devem ser alvos de estratégias futuras para sua redução”, explicou Guilherme.      
CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ALBINO - UNIFIPA